segunda-feira, 8 de março de 2010

TEMPO E ESPAÇO

Tudo o que existe se situa num tempo e ocupa um espaço. Tempo e espaço são elementos abstratos.

Quando não podemos perceber um elemento por meio dos nossos sentidos (tato, visão, audição, paladar e olfato), dizemos que esse elemento é abstrato. Abstrato, portanto, é o contrário de concreto, de visível, de facilmente percebível pelos sentidos.
O que é tempo? Tempo é algo que vivemos, representa o momento, o instante, a época em que algo ocorreu ou existiu, ocorre ou existe, ocorrerá ou existirá.
O que é espaço? Cada coisa ocupa um lugar, uma porção específica do espaço. O espaço, refere-se ao lugar que as coisas ocupam e onde os fatos ocorrem.
Podemos medir ou descrever um elemento abstrato usando algumas noções de intensidade ou de distancia. Podemos medir o tempo em segundos, minutos ou horas, dias, semanas, meses ou anos, décadas, séculos, milênios ou até milhões ou bilhões de anos.
O espaço pode ser medido pelo seu tamanho em milímetros, centímetros, metros ou quilômetros.
As grandes transformações que ocorreram e ocorrem no universo e no nosso planeta são extremamente lentas.
O tempo das transformações naturais terrestres é chamado tempo geológico, que é a duração das mudanças que ocorrem nas rochas, nos rios, nas montanhas, etc.
O tempo da natureza no universo, nas estrelas, nas galáxias, é chamado de tempo astronômico.
As transformações na sociedade humana acontecem mais rapidamente, são realizadas pelo homem. O tempo das transformações humanas, ou o período a partir do qual encontramos vestígios da expressão de fatos ou coisas realizados pelo ser humano na superfície da Terra, é denominado de tempo histórico.
Existem diferentes tipos de espaço como o astronômico e o geográfico.
O espaço astronômico é onde se encontram os planetas, as estrelas, os cometas, etc. Nesse espaço as distancias se medem em milhões ou bilhões de quilômetros. Muitas vezes as distancias são tão grandes que temos de substituir o quilometro por unidades de medida ainda maior denominada ano-luz da Terra. É uma distancia tão grande, medida pela velocidade da luz (300.000 km por segundo) que não é pratico expressá-la em quilômetros.
O espaço geográfico é o espaço que a sociedade humana ocupa, utiliza e transforma. Pode ser dividido em urbano e rural, compreende não somente as áreas que conhecemos e visitamos, mas todos os locais que servem à humanidade.
Tudo o que existe ou acontece situa-se num tempo e num espaço. Um objeto ou um acontecimento para serem reais precisam estar situados no tempo e no espaço. Assim como objetos e acontecimentos, nós, seres humanos, ocupamos um lugar no espaço e situamo-nos no tempo. A humanidade ocupa um espaço, que é o espaço geográfico.
Nem todos os seres humanos vivem e percebem o espaço da mesma forma. Depende da sociedade e da época. Na Antiguidade, ninguém imaginava que a Terra fosse tão grande e que houvesse tantos continentes, mares e ilhas. Nem imaginavam que a Terra fosse redonda e girasse ao redor do Sol.
As diferenças sociais também influem bastante no espaço de vivência. Assim como existem no mundo milhões de pessoas sem residência fixa, existem outras que possuem várias residências.
Os níveis ou dimensões do espaço para essas pessoas são diferentes, mas sempre há alguma semelhança. O espaço de vivência do ser humano possui vários níveis ou dimensões. A menor dimensão do nosso espaço é a nossa casa e a maior é a superfície terrestre, que se encontra atualmente dividida em países ou nações.
O espaço geográfico, restringe-se portanto ao nosso planeta.


6 comentários:

  1. Obrigado pelo assunto. Está de parabéns. Muito bem explicado e de fácil compreensão.

    ResponderExcluir
  2. Muito bem explicado, parabéns e obrigado! :)

    ResponderExcluir
  3. ricardo muito obrigado bastante explicado gostei da eficiencia 09/09/2012

    ResponderExcluir
  4. Que conhecimento! Parabéns! Já me localizei!

    ResponderExcluir